quarta-feira, 16 de março de 2011

O despojo


Êxodo: 32: 4
E ele os tomou das suas mãos, e trabalhou o ouro com um buril, e fez dele um bezerro de fundição. Então disseram: Este é teu deus, ó Israel, que te tirou da terra do Egito.

A passagem mostra que tardando Moisés ( Moisés tardava para o povo mas estava precisamente no tempo de Deus) o povo resolveu juntar seus adereços, fazer alguma coisa e ver o que que dava. Deu idolatria!

Na saída do Egito, Deus deu graça ao povo para que levasse o despojo egípcio. Isso serviria para que na caminhada e na terra prometida o povo tivesse alguma coisa para sobreviver. Pois bem, com o pouco que conseguiram confiaram tanto naquilo que se tornou um deus para eles.

O despojo era para ser uma benção mas foi usado pelo povo para sua própria queda.

O homem de hoje faz o mesmo. Uso o despojo que alcança neste mundo para  passar por cima de pessoas, valores, sentimentos, princípios, leis e por aí vai. Faz do pouco que alcançam um deus.
A medicina evolui mas não cura tudo. A estética melhora aparência do homem mas nós envelheceremos. O dinheiro não compra a felicidade...

Confiemos no Senhor que é o médico dos médicos, que nos faz entender que os bens materiais não são a essência desta vida e principalmente; venceu a morte por nós.

8 comentários:

  1. wesley foi muito boa esta postagem e resolvi comentar,hoje os valores estão trocados, o ser humano tem adorado um carro novo, um corpo perfeito, um cantor, um jogador, que são pessoas iguais a nós, e deixam de lado o que realmente importa que é adorar e buscar a Deus acima de todas as coisas pois foi O Senhor Jesus que nos abriu o caminho para a Salvação morrendo na cruz por nós, quem seria capaz de tamanho sacrifício? Glorifico a Deus por me deixar fazer parte de sua obra!!!

    ResponderExcluir
  2. Cristiana, é justamente isso que ocorre. A religiosidade das pessoas juntamente com o "despojo" deste mundo tem levado ao afastamento cada vez maior do homem para com Deus.

    ResponderExcluir
  3. weslley a pdsjc um pequeno comentário As pessoas tem dificuldade para crê,em algo que não possa ver,tocar,outros com seu nível de cultura fazem uso da tecnologia para contradizer a palavra,a existência de Deus,outros como já comentado está com o coração no material,é o homem exercendo o livre arbítrio abç David a pdsjc

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O homem tem facilidade de crer apenas no físico, no despojo que ele alcançou.

      abs

      Excluir
  4. Gostei do Post, acho que todos deveria ler e captar a mensagem, o mundo hoje e principalmente a mídia ensinam as pessoas a valorizarem somente a embalagem, o externo, a casca... deixam de lado a essência, os valores, o que há de realmente valioso, infelizmente há uma difusão muito grande desta infeliz maneira de pensar, temos como exemplo clássico são programa que passam na tv, que são altamente tendenciosos e banalizam certos valores, aliás, destroem muitos valores, melhor dizendo... o que deveria educar, acabado danificando a moral da pessoas que assistem, particularmente não gosto de TV, e demais mídias que buscam influenciar a massa, pois tudo é uma grande manipulação... mas esse é outro assunto!
    abraços!!! e PENSEM NISSO...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, meu nobre, as mídias exercem grande influência nos valores do homem.

      abs

      Excluir
  5. Como disse o comentário do David,as pessoas tem o costume de ter que tocar em algo para que sejam "abençoados", para que tenham êxito em seus pedidos. Outra questão é a do despojo. Enquanto estão fartos pela providência Divina, tudo vai bem...mas é só faltar-lhe uma pequena coisa para que regridam e voltem ao pecado, idolatria,etc. Fora que os homens fazem deuses de si mesmos...dinheiro, aparência. Só mesmo plena comunhão com o Espírito para que não precisem se "apoiar" em algo para alcançar a Deus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E continuam a ter que tocar pra crer...são os Tomés de hoje.

      abs

      Excluir